domingo, 16 de fevereiro de 2014

LADRILHOS HIDRAULICOS

HISTÓRIA DO LADRILHO

Ladrilhos, tradição milenar que ainda nos dias de hoje se faz empregar nos espaços e ambientes, perfazendo verdadeiras e agradáveis obras de arte. Os ladrilhos hidráulicos de fabricação artezanal remontam ao século IV D.C., época em que o mundo civilizado era dominado pelo Império Bizantino, cuja capital foi Constantinopla, com grande território entre a Europa e a Ásia e cujo apogeu foi no reinado de Justiniano entre os anos 527 e 565 D.C. , vide figura ao lado.
Castelos, palácios e grandes feitos da arquitetura européia do séc. XVII carregam em sua essência, a beleza transmitida pelos ladrilhos cujos mosaicos com eles constituídos mostraram excelência ornamental como pisos e revestimentos.
No Brasil, as primeiras fábricas surgiram no final séc. XIX, onde na capital paulista, italianos ao aprenderem a técnica de fabricação com um cônsul suíço iniciaram a produção de peças em território nacional, oferecendo uma alternativa mais em conta em relação às ofertas importadas.
A origem do ladrilho hidráulico como forma de expressão cultural, manifestação religiosa e registro de feitos históricos, remonta à época moura e bizantina, pois se encontram citações de produtos utilizados para decoração de pisos, paredes e outros utensílios mundo afora.
Mãos que no labor do trato da Terra e, dela, extraem a mais pura areia e que tocam o pó e misturam a massa; que constroem as fôrmas e as enchem de cores nos brindam com os mais belos exemplares do gênero e nos levam a uma viagem imaginária de encontro ao belo.
Nossos produtos são fabricados artesanalmente, valendo-se da mais antiga tradição para confecção das peças. No final do processo produtivo, um a um, peça por peça, vão surgindo, cada qual com sua própria história, harmonia e beleza.
Uma atenção especial com a matéria-prima, com os desenhos e cores, leva consigo um pouco de nossa paixão pela arte de ladrilhar e a satisfação de produzir algo que possa propiciar satisfação a nossos consumidores.
Fonte: http://www.realladrilhos.com.br/historia.php




































































Nenhum comentário:

Postar um comentário